quarta-feira, 6 de julho de 2011

Vocalista do Sonic Youth revela lado intimista em seu terceiro álbum solo

Vocalista do Sonic Youth revela lado intimista em seu terceiro álbum solo

CARLOS MESSIAS
DO "AGORA"


Esqueça o barulho orquestrado e a experimentação radical que há 30 anos compõem o DNA do Sonic Youth. No álbum "Demolished Thoughts", seu terceiro CD solo, o vocalista e guitarrista Thurston Moore troca sua característica Fender Jazzmaster por um violão e revela seu lado mais delicado.

Com direito a harpa, violino e sintetizadores, os arranjos são assinados pelo produtor do álbum, o músico Beck, que colhe os louros por um belo trabalho de terceiros.

Se "Psychic Hearts" (1995) e "Trees Outside the Academy" (2007) pareciam um Sonic Youth menos violento, "Demolished Thoughts" soa como um disco intimista.

Lembra mais o dilacerante "Sea Change" (2002), de Beck. Tanto pelas melodias e harmonias acústicas quanto pela atmosfera psicodélica que permeia o álbum.

Moore adere ao coro do folk chapadão, que ganha proeminência em Nova York por meio de artistas que vão do aspirante Kurt Vile a J Mascis, do Dinosaur Jr.

As canções se desenvolvem de maneira errante, quase infantil, como se ele estivesse brincando com a paleta e, por acaso, encontrasse a composição mais bonita. Por isso devem ser absorvidas sem expectativas e fazem mais sentido em conjunto.

Isso fica claro em "Illuminine", que parte de uma melodia minimalista e repetitiva e, aos poucos, ganha corpo com fraseados de violino e "pinceladas" de harpa. Moore se expõe de forma redentora. Não gera o impacto do Sonic Youth. Mas é um mergulho muito bem-vindo no seu imaginário.

DEMOLISHED THOUGHTS

ARTISTA Thurston Moore
GRAVADORA Lab 344
QUANTO R$ 27,90
AVALIAÇÃO bom


Link:
http://www1.folha.uol.com.br/fsp/ilustrad/fq0607201120.htm

Nenhum comentário: